Aparelho Medir Pressão ArterialApós a cirurgia e os procedimentos de pós-operatórios, os benefícios dos pacientes são evidentes, como a melhora no bem-estar e na qualidade de vida; porém, há outros benefícios ligados à cirurgia bariátrica:

Hipertensão

A hipertensão arterial (ou pressão arterial alta) está diretamente ligada à obesidade e quanto maior o IMC, mais difícil será o controle dessa doença. Além disso, ela é fator de risco para várias doenças cardíacas. A cirurgia bariátrica trabalha com a redução do esforço no coração e, dessa forma, diminui os níveis de pressão. Com a perda de peso corporal, a prática de atividades físicas e mudanças na dieta, o controle da hipertensão é feito mais facilmente.

Cirurgia Bariátrica - Diabetes tipo II

A diabetes do tipo II é uma desordem que ocorre com o metabolismo da insulina e da glicemia e está bastante associado com a obesidade mórbida. Os pacientes que realizam a cirurgia de obesidade reduzem à resistência a insulina e melhoram seu nível glicêmico. A melhora em relação a obesidade é verificada em todos os tipos cirúrgicos de cirurgia bariátrica.

Dislipidemia

Aparelho Medicação DiabetesÉ um problema que ocorre no metabolismo dos lípides (derivados da gordura) no sangue. Os lípides fazem parte da estrutura das placas de gordura que se formam nas artérias do corpo humano causando problemas vasculares, obstrução de artérias e insuficiência renal. Com a cirurgia, a melhora nos níveis de colesterol é bem significativa.

Depressão

Para os pacientes que possuem obesidade mórbida, a depressão age de forma mais severa e há uma maior dificuldade em tratá-la. A doença pode causar uma complicação na depressão causando problemas familiares, emocionais e psicológicos. Os pacientes que realizam a cirurgia bariátrica apresentam, em sua maioria, uma melhora nos relacionamentos interpessoais, mais oportunidades no mercado de trabalho e o aumento da autoestima. Nesse caso, procure sempre um profissional de saúde mental!

Osteoartrose (quadril e joelhos)

A osteoartrose um problema médico causado pelo desgaste nas articulações e causa dor ao paciente quando ele se movimenta. Quando a obesidade é mórbida, o problema atinge a região dos joelhos e quadris causando dores que, às vezes, impedem o paciente de se locomover. Com a cirurgia e consequentemente a redução de peso, a pressão sobre os joelhos diminui, proporcionando a redução da dor.

Apneia do Sono e Problemas Respiratórios

Médico Receitando RemédiosA apneia do sono ocorre quando a respiração é interrompida durante o sono devido a um colapso na musculatura e nos tecidos da garganta e pescoço. A obesidade intensifica o quadro de apneia e aumenta a probabilidade de problemas respiratórios, pois quanto maior for o peso, maior será a quantidade de gordura que irá pressionar os pulmões. A cirurgia diminui a quantidade de gordura encontrada no aparelho respiratório reduzindo a incidência dos problemas respiratórios.

Refluxo Gastroesofágico

O refluxo gastroesofágico é uma doença causada pela exposição da mucosa do esôfago ao conteúdo ácido do estômago, ocasionando azia, queimação e lesões graves. A obesidade causa o enfraquecimento na válvula que impede que esse procedimento ocorra. A cirurgia diminui a incidência do refluxo e também a quantidade de ácido que é produzido pelo estômago.

Incontinência Urinária

A obesidade mórbida em mulheres aumenta a probabilidade de incontinência urinária, pois causa o relaxamento da estrutura do abdômen e da pélvis. A cirurgia auxilia na melhora nos casos de incontinência urinária.